O clima de final de ano já tomou conta das casas e do comércio. A maioria dos brasileiros já está a todo vapor com seus preparativos para a ceia de Natal e a noite da virada. Mas é nessa época do ano que os gastos duplicam e muita gente estoura o limite do cartão.

Pode parecer até uma missão impossível guardar dinheiro nesse período, mas, cá entre nós, começar 2022 devendo não é a melhor forma de virar o ano. Se você já está no clima do Natal, arrumando os pisca-piscas pela casa e quer saber como economizar nas festas de fim de ano, conheça a seguir 7 dicas de como poupar o seu dinheiro. 

1. Faça um planejamento financeiro e defina suas prioridades

O primeiro passo para administrar bem a sua situação financeira é ter na ponta do lápis seu rendimento pessoal e gastos fixos. Deixe tudo registrado para facilitar o controle sobre seu dinheiro. Em seguida, defina o seu orçamento e todos os gastos para o final de ano. 

O ideal é definir quais são as suas prioridades e onde você vai aplicar o seu dinheiro. Ter metas estabelecidas é essencial. Faça o uso correto do seu dinheiro!

Uma dica extra é ter uma reserva para necessidades que aparecem de última hora. Quem se planeja, sempre sai na frente! Afinal, imprevistos acontecem e para não ficar com aquela dor de cabeça pensando em como vai pagar, separe um orçamento para emergências. 

2. Cuidado com o cartão de crédito

Pode parecer simples ao ler o título, mas o cartão de crédito pode ser um perigo! No decorrer do mês aparecem as famosas tentações que nos levam a comprar acima do que é necessário. Os olhos brilham pelas infinitas opções de decorações, roupas e todos os artigos festivos. Mas é aí que entra em cena o cartão de crédito com parcelamentos de 12 vezes sem juros. De início parece uma maravilha, mas se torna uma bola de neve em dívidas

Já imaginou começar 2022 devendo 12 parcelas? Pagar até 2023. O que era um sonho, tornou-se um pesadelo. 

Essas são as armadilhas do cartão de crédito! O ideal mesmo é pagar à vista para você ter um controle financeiro maior. E caso use o cartão de crédito, seja em gastos definidos dentro do seu orçamento. Não deixe se dominar pela ideia do “vou passar no cartão que eu parcelo”. Pois mesmo no cartão, a hora de pagar a fatura chega. Então, organize os seus gastos e não se torne prisioneiro do cartão. 

3. Pesquise com antecedência e compare

Com a empolgação do fim de ano, muita gente compra por impulso e não pesquisa antes de adquirir o produto. Não cometa esse erro, não se deixe levar pelo momento. 

Faça uma lista do que quer comprar para as festas de Natal e Réveillon, analise com calma e compare os preços. Essa é uma missão que está a um clique de você, basta acessar a internet e terá diversos sites para você ver os preços e comparar o que é mais vantajoso para o seu bolso.

Aproveite também os cupons de desconto que valem muito a pena e podem ser grandes aliados na hora de poupar dinheiro. Acompanhe as lojas nas redes sociais e fique atento às promoções relâmpago que podem te ajudar a garantir aquele produto mais caro com um preço especial. 

E quando se trata de comprar, uma dica de ouro é não deixar para última hora, organize-se com antecedência que, com certeza, você terá mais tempo para analisar e aproveitar as melhores ofertas.

Veja também:

Como alcançar seus sonhos investindo em fundos de investimento de acordo com o seu perfil de investidor

4. Peça ajuda aos outros

Depois de organizar sua lista de convidados para ceia de Natal, uma dica valiosa é pedir a contribuição deles. Afinal, se são amigos e familiares, não há problemas em auxiliar na festa. Toda ajuda é bem-vinda e já diminui os seus gastos. Cada um pode levar uma bebida ou algum prato. 

Lembre-se que você está organizando a festa, mas não precisa arcar com tudo sozinho. Faça uma lista com os pratos e bebidas para a ceia e distribua para os convidados que estão dispostos a ajudar. Assim você tem um controle do cardápio e dos seus gastos. Pense também na hora de servir, faça a conta das porções e evite desperdícios de alimentos e de dinheiro. 

Uma outra dica é variar nos pratos na hora de montar a sua ceia de Natal. Muitos itens ficam ainda mais caros nessa época de datas comemorativas, por isso pesquise e diversifique o seu menu festivo. 

5. Repense na hora comprar os presentes

Nessa época, não pode faltar o amigo-secreto nas festas natalinas e confraternizações, já é quase uma regra nesse período. Mas o Natal é uma época que vai além do material, representa a união e a família. Por isso, deixe para trás o mito de que somente o presente caro é bom. 

Pesquise muito antes de comprar e dê preferência a itens mais econômicos que tenham um valor sentimental ou que represente algo para quem está ganhando. Você também pode fazer o presente e dar o seu toque ao item, o que torna tudo ainda mais especial e afetivo. Quem recebê-lo, com certeza, irá amar e, além disso, é uma forma para economizar o seu dinheiro.

6. Reutilize itens na decoração

Um dos pontos-chave da festa é a decoração. Mesmo sendo em casa, as pessoas amam decorar cada cômodo com pisca-pisca e todos os enfeites natalinos. Mas esses itens decorativos são um dos fatores que mais pesam no orçamento, já que os preços nesse período muitas vezes estão exorbitantes. 

Por isso, pense no que você já tem em casa, pesquise vídeos e dicas de como reutilizá-lo de forma criativa. Afinal, é Natal, os itens podem sofrer alteração de cor, mas seguem a mesma linha e temática. Então, essa é a hora de parar, pensar e ver o que é realmente importante comprar para não gerar gastos a mais sem necessidade.

7. Fique atento ao seu orçamento

Por último e mais importante: cuidado para não ultrapassar o seu orçamento. Lembre que você tem um limite estipulado. Evite gastar com coisas supérfluas e desnecessárias que depois serão motivos de arrependimento. 

Você não precisa gastar todas as suas economias arrumando a sua casa para o Natal. Lembre que 2022 está vindo aí e começar o ano com o pé direito, é começar guardando dinheiro. Então, caso apareça alguma renda extra, aproveite e guarde ou invista. Pense no novo ano!

É possível aproveitar as festas gastando pouco! 

Com essas 7 dicas, aposto que você notou que o grande segredo é o planejamento com antecedência. Você pode se divertir com os amigos e familiares, fazer uma festa e celebrar o final do ano e ainda economizar. Basta você se organizar e pensar nas suas escolhas de acordo com a sua vida financeira. 

Coloque tudo no papel e organize seus gastos, não queira usufruir ultrapassando seus limites. Comemore o Natal e a chegada de 2022, com alegria e sem dor de cabeça por conta de dívidas desnecessárias. Faça o uso correto do seu dinheiro! Aproveite e confira agora o último artigo do nosso blog sobre 5 dicas de como usar o 13º e fazer seu dinheiro render

5 dicas de como usar o 13º e fazer seu dinheiro render

COMENTÁRIOS

ASSINE NOSSA NEWSLETTER