Você já pensou na possibilidade de fazer uma viagem de volta ao mundo? Dá até um frio na barriga de imaginar realizar um sonho desses, não é verdade?

Não restam dúvidas de que uma viagem pelo globo se trata de uma excelente oportunidade para conhecer novas culturas, lugares históricos e viver experiências únicas. Ao mesmo tempo, parece um sonho praticamente impossível. Provavelmente custa muito dinheiro fazer um passeio desses.

Mas... e se não fosse um desejo impossível? Será que você pode sim realizar o sonho de fazer uma viagem de volta ao mundo? Nós selecionamos 7 passos que vão ajudar a levar você nesse passeio incrível! Continue lendo para saber mais.

1. Prepare sua vida profissional para esse projeto

Foi em 1873 que o grande escritor francês Júlio Verne lançou seu clássico romance "A Volta ao Mundo em 80 Dias". Desde aquela época, no Século XIX, já sabíamos que não dava para passear pelo planeta em pouco tempo.

Isso significa uma coisa simples: você precisará resolver a sua vida profissional e arranjar tempo para realizar esse grande sonho.

A quantidade de dias disponíveis para a sua viagem vai depender do seu tipo de trabalho e vínculo empregatício, claro. Talvez você consiga tirar seus 30 dias de férias de uma vez, talvez precise conversar com seu chefe para negociar algumas semanas adicionais.

Seja como for, você precisará encontrar um tempo na sua agenda para conseguir viajar pelo planeta. Pode ser 80 dias, como os personagens do livro de Verne, ou apenas 30. Pode, até mesmo, ser um ano sabático.

Quando conseguir os dias para a viagem, pule para o próximo passo.

2. Faça o roteiro da sua viagem de volta ao mundo

Uma das partes mais legais de qualquer passeio é planejar o roteiro que você seguirá. Quando falamos de uma viagem de volta ao mundo, então, essa atividade fica muito mais gostosa.

Existem duas maneiras de fazer um passeio pelo globo: você pode comprar passagens individuais para cada trecho da viagem ou adquirir um RTW Ticket, um bilhete específico oferecido por alianças de empresas aéreas.

Esses bilhetes permitem ao usuário escolher diversos trajetos e rodar o planeta viajando de país em país. Porém, eles têm algumas regrinhas que podem limitar seu roteiro.

Com os RTW Tickets, você precisa dar uma volta completa no planeta seguindo um sentido só. Ou seja, de leste para oeste ou o contrário. Isso significa que se você sair do Brasil e ir para Portugal no primeiro destino, não pode "voltar" para Nova York, precisa seguir para leste.

O preço total do bilhete depende do roteiro planejado. As principais alianças de companhias aéreas oferecem simuladores em seus sites. Confira:

3. Estime os gastos que terá durante a viagem

Além da passagem aérea, a sua viagem de volta ao mundo terá outros custos essenciais, como alimentação, hospedagem, transporte, presentes e atrações turísticas.

A palavra-chave para um passeio longo como esse é equilíbrio. Um gasto supostamente alto pode ser equilibrado com uma economia em outro destino. Por exemplo, os países da Europa estão recheados de ótimos hostels com preços baixos. Isso pode abrir uma folga no orçamento para refeições mais caras em outro lugar.

Existem alguns sites que podem ajudar a estimar os custos da sua viagem, como o Numbeo, atualizado frequentemente com os custos médios de vários itens por país.

Além disso, páginas como o Trip Advisor, Booking, Wiki Travel e Trivago podem ajudar com informações e preços para atrações turísticas, acomodações e opções de transporte em diferentes países do planeta.

Uma boa alternativa econômica de hospedagem é por meio do aluguel de apartamentos ou quartos a curto prazo. Sites como Airbnb, HomeAway ou HouseTrip podem ajudar nessa opção.

4. Invista o seu dinheiro para financiar o seu sonho

Quando você tiver cumprido o passo 3 desse artigo, deverá ter em mãos um valor X, que será o necessário para cobrir os custos da sua viagem de volta ao mundo.

Esse montante será o suficiente para pagar passagens aéreas, hospedagem, alimentação durante o passeio, visitas a lugares turísticos e ainda algum extra para imprevistos (recomenda-se que seja algo como 30% do somatório de outros gastos).

Com esse número definido, chega a hora de correr atrás para obter esse dinheiro todo. E uma boa ideia para isso é por meio de investimentos em Renda Fixa, sabia?

Aplicações como o CDB e as LCIs e LCAs têm um rendimento maior do que a Poupança, são protegidas pelo Fundo Garantidor de Créditos e você pode investir nelas com apenas R$ 1.

Nova call to action

5. Arrume os documentos necessários para a viagem

Enquanto você monta o seu plano de investimento e o coloca em ação, uma boa ideia para agilizar a sua preparação é procurar todos os documentos que serão necessários para a sua viagem.

Veja se algum dos países que você visitará exigem vistos de turismo para brasileiros. Destinos populares como EUA, Canadá, Austrália, China, Japão e Egito estão na lista dos territórios que requerem esse documento de brasileiros.

Lembre que, mesmo que você não vá visitar um desses países, você ainda precisará do visto se o seu voo fizer escala lá.

Providencie também o seu Certificado Internacional de Vacinação da Anvisa, um documento necessário para comprovar que você está em dia com as suas vacinas.

Além disso, agende uma ida ao médico para informá-lo do seu roteiro e verificar se é necessário se precaver contra Malária, Raiva e outras doenças. Ah, e não se esqueça de contratar um seguro viagem para se precaver.

6. Resolva os detalhes da sua vida pessoal antes de ir

Você já está quase pronto para partir em sua viagem de volta ao mundo. Consegue sentir o friozinho na barriga?

Antes de ir, porém, você precisará resolver alguns detalhes da sua vida pessoal no seu país se origem. Por exemplo, a sua casa. Se ela for alugada, será que é mais vantagem suspender seu contrato e contratar um depósito para guardar suas coisas ou manter o aluguel em dia?

7. Faça as suas malas para encarar uma longa viagem

Uma jornada ao redor do globo o levará para inúmeros destinos, com diferentes climas, estados de conservação e exigências. Isso significa que, um dia, você estará andando pelas ruas de Berlim no Inverno e, em outro, se aventurando por uma trilha em Madagascar.

Portanto, você precisa ter em sua bagagem roupas adequadas para os tipos de clima e as condições que enfrentará em cada destino que conhecer. Programe-se com antecedência para saber quais peças levar e não precisar de uma mala extra durante o passeio.

Além disso, procure sempre por uma lavanderia perto do seu hotel em cada cidade. Isso garantirá que suas roupas estarão sempre limpas mesmo durante longos períodos longe de casa.

Seguindo todos esses passos, o sonho de fazer uma viagem de volta ao mundo será uma realidade para você. Agora é só começar a se preparar e tirar muitas fotos do seu passeio!

Se você se animou e vai começar a planejar a sua viagem agora mesmo, aproveite para compartilhar este post nas redes sociais e marcar seus amigos e familiares para apoiarem você nessa jornada!

Nova call to action

Comentários

Assine nossa newsletter