Quitar dívidas, ter segurança financeira e mais tranquilidade na vida. Quem não se identifica com esses objetivos? Para alcançá-los, no entanto, é preciso não só sonhar, mas se esforçar a fim de colocar as finanças em ordem, fazer um planejamento financeiro e, principalmente, sair do vermelho de uma vez por todas.

Lidar com juros altíssimos, como cheque especial, cartão de crédito e várias dívidas acumulados pode ser difícil. Para mudar o cenário, é essencial pesquisar alternativas de empréstimo que cobrem taxas mais competitivas, contem com melhor prazo de pagamento e ofereçam a oportunidade de ganhar fôlego e colocar suas finanças em dia.

Nesse sentido, o crédito com garantia de imóvel pode ser a solução que você busca. De acordo com o que o próprio nome diz, nessa modalidade de empréstimo, seu bem (seja ele comercial ou residencial) é dado como garantia para a instituição financeira.

Entre os benefícios de optar pelo crédito com garantia de imóvel, estão não ter que justificar o destino do dinheiro, taxas mais baixas e prazo de pagamento ampliado. Além disso, é possível conseguir até 50% do valor do bem como crédito. Você também não precisa dar nenhuma garantia adicional e, melhor: não é necessário sair do espaço durante o processo.

Conheça 6 vantagens do crédito com garantia de imóvel:

1. Não precisa justificar o destino do dinheiro

Um dos benefícios de optar pelo crédito com garantia de imóvel é que não há necessidade de justificar a forma como você vai usar o dinheiro. Isso não acontece em modalidades como o financiamento imobiliário ou de veículos, por exemplo, em que a quantia concedida pelo banco deve se usada exclusivamente para a compra de um imóvel ou carro. 

Ao solicitar um crédito com garantia de imóvel, você pode usar o dinheiro para o que for mais importante no momento: quitar suas dívidas, fazer uma viagem em família, reformar a casa ou investir em um negócio próprio.

Independentemente do destino que você vai dar para a quantia que pegou emprestada, é bom ter em mente que ela deve ser usada com sabedoria e sempre com objetivo de organizar sua vida financeira. 

2. Taxas mais baixas

Escolher o crédito com garantia de imóvel em vez de entrar no cheque especial ou contratar um empréstimo pessoal tem outra grande vantagem: as taxas costumam ser bem mais baixas do que as de outras modalidades. Em geral, os juros cobrados pelas instituições financeiras para empréstimos que dão imóvel como garantia são inferiores a 2% ao mês. 

Para você ter uma ideia, a taxa média dos bancos para um empréstimo pessoal sem garantia foi de 6,24% ao mês em maio de 2019, de acordo com pesquisa da Fundação Procon-SP. O estudo ainda aponta que a média de juros do cheque especial dos bancos pesquisados chegou a 13,17% no mesmo período.

3. Prazo de pagamento estendido

O prazo de pagamento estendido é outro benefício de optar pelo crédito com garantia de imóvel. Em geral, essa modalidade é oferecida com limite mínimo de 12 meses. Já o período máximo pode chegar a 180 meses, variando de acordo com o banco.

Essa característica permite que você pague suas parcelas com tranquilidade e tenha tempo a fim de reorganizar sua vida financeira e sair do vermelho.

Nova call to action

4. Até metade do valor do imóvel como crédito

O empréstimo com garantia de imóvel pode ser especialmente interessante para pessoas que precisam de uma quantia mais substancial. Com ele, é possível ter acesso a até metade do valor do bem — com o limite de R$ 2 milhões de financiamento.

Apenas um alerta: mesmo dando seu imóvel como garantia, a maioria das instituições financeiras pede comprovação de renda para requerimento dessa modalidade. Geralmente, os bancos exigem que o valor das parcelas do crédito com garantia de imóvel não comprometa mais de 30% da renda mensal de quem está solicitando o dinheiro.

5. Imóvel é a garantia

As taxas do crédito com garantia de imóvel são mais competitivas para o consumidor por um simples motivo: o risco que o banco tem de não receber os valores acordados no empréstimo é reduzido.

Mesmo que o cliente fique inadimplente, a instituição financeira sabe que vai receber o que é devido, uma vez que o imóvel é dado como garantia. 

6. Não há necessidade de desocupar o bem

Outra vantagem a ser considerada é que o solicitante continua sendo proprietário do bem — que, inclusive, não precisa ser desocupado durante a vigência do contrato. Nesse sentido, só são aceitos como garantia os imóveis comerciais e residenciais que estejam no nome da pessoa que está solicitando o crédito. 

O bem deve estar avaliado entre R$ 200 mil e R$ 5 milhões, devidamente quitado e livre de ônus. Também tem que estar inteiramente construído. Os terrenos sem nenhuma edificação, por exemplo, não são aceitos nessa modalidade.

Os documentos necessários para pedir o crédito com garantia de imóvel podem variar de banco para banco. Mas, em geral, é necessário apresentar RG, CPF, comprovante de estado civil, de residência e de renda. A documentação do imóvel (como matrícula do bem, habite-se e escritura definitiva) também é exigida e precisa estar em ordem.

O crédito com garantia de imóvel é a opção de empréstimo sob medida para quem tem um bem comercial ou residencial devidamente quitado e com todos os documentos em dia. Taxas mais baixas, maior prazo de pagamento e o fato de não precisar justificar o destino do dinheiro são alguns dos benefícios da modalidade, que é uma das mais vantajosas para o consumidor.

Os benefícios desse tipo de recurso para quem quer sair do vermelho são inegáveis. No entanto, a fim de garantir a segurança da operação, busque por uma instituição financeira de qualidade para ter certeza de que tudo correrá bem. Em geral, os processos de pedido e liberação de crédito costumam ser simples. Muitas instituições financeiras, inclusive, fazem tudo online até a assinatura do contrato.

E você, já conhecia o crédito com garantia de imóvel? Já recorreu a esse tipo de empréstimo? Compartilhe com a gente nos comentários!
Nova call to action

Comentários

Assine nossa newsletter