Quando decidimos viver com outra pessoa, passamos a compartilhar com ela diversos pormenores do nosso dia a dia, que vão de detalhes até a organização das finanças. Nessa hora, muitos casais recorrem à conta conjunta como uma maneira de administrar essa tarefa.

Uma conta conjunta nada mais é que uma conta bancária convencional. A única diferença é que ela pode ser movimentada por dois titulares.

Compartilhar a conta bancária pode trazer grandes benefícios para aqueles que querem gerenciar melhor o dinheiro em uma vida a dois. Por isso, continue lendo este post e descubra as maiores vantagens de ter uma conta conjunta.

1. Reduz o custo com taxas bancárias

Na hora de abrir uma conta em banco, é normal procurarmos pelas opções que se adequem às nossas necessidades, oferecendo as menores taxas. A conta conjunta é uma ótima alternativa para quem deseja dividir as finanças com o cônjuge e ainda economizar nas taxas bancárias.

Com contas individuais, cada um terá que arcar com seus próprios custos administrativos, que podem variar de acordo com o pacote de serviços contratado. Por outro lado, em uma conta conjunta as tarifas são cobradas apenas uma vez, já que suas taxas são iguais às de uma conta individual.

Essa economia pode ser um grande incentivo para quem está considerando abrir uma conta conjunta — afinal, o dinheiro economizado vai ajudar no seu planejamento financeiro. Você também poderá utilizá-lo para compor seus investimentos, que garantem a sua estabilidade financeira no futuro. 

2. Fica mais barato e rentável investir em conjunto

Quanto maior o capital que você tiver investido, melhores as condições e maiores os retornos obtidos com a aplicação. Por isso, em vez de investir separadamente, o ideal é que o casal utilize uma conta conjunta para fazer seus investimentos no mercado financeiro.

Desse modo, será possível unir os recursos das duas pessoas para conseguir aplicações mais vantajosas e redução nas taxas de administração. Investir é uma parte muito importante da vida financeira de um casal e a conta conjunta pode ajudar a fazer com que seus objetivos sejam conquistados de maneira mais fácil e rápida.

3. Consegue crédito com mais facilidade

Se as duas pessoas que compartilham a conta conjunta possuírem renda, a obtenção de crédito também fica mais fácil. Com as receitas somadas, as instituições financeiras podem oferecer melhores linhas de crédito e condições mais fáceis para os casais que precisam de dinheiro ou querem fazer uma compra parcelada.

Se o casal possuir dívidas, essa pode ser uma boa maneira de regularizar a situação financeira. Você poderá renegociar suas dívidas que possuem altas taxas de juros e trocá-las por um crédito mais barato adquirido por meio da conta conjunta.

Essa também é uma ótima oportunidade para quem está planejando uma viagem, a compra de um carro, de uma casa, ou até mesmo a festa de casamento. Contudo, é preciso ter responsabilidade antes de contratar qualquer tipo de crédito, principalmente aqueles que podem comprometer os seus rendimentos por um período extenso.

4. Diminui a burocracia ao longo do tempo

Uma conta conjunta possui mais recursos e faz mais movimentações do que uma conta individual. Essas características fazem com que os bancos busquem desenvolver um relacionamento melhor e disponibilizem mais facilidades a quem possui contas com mais atividades positivas.

Quanto mais você utilizar os serviços do banco e honrar pontualmente com seus compromissos, menores serão as chances de enfrentar burocracia nas suas transações. Por isso, é importante manter a sua conta conjunta sempre adimplente para conseguir desfrutar de todos os benefícios que ela pode oferecer.

5. Fica mais fácil o planejamento em médio e longo prazo

Uma vida a dois é feita de muitos sonhos, planos e aspirações. E quando os dois se engajam juntos, fica muito mais fácil atingir os objetivos propostos.

Se esse é o seu caso, a conta conjunta pode ser o que falta para que seus planos se tornem realidade. Ela permite que o casal tenha uma ampla visão sobre as suas despesas cotidianas e descubra onde podem ser feitos cortes de gastos, gerando economia para agilizar as suas conquistas. Também fica mais fácil estabelecer metas em conjunto e otimizá-las sempre que for viável.

6. Também é possível ter uma conta conjunta com seus filhos

A conta conjunta é muito utilizada por casais que querem organizar as suas finanças. Mas ela também pode ser útil para quem está procurando uma maneira de educar financeiramente os seus filhos.

Esse tipo de conta permitirá que você acompanhe os gastos e monitore os hábitos dos filhos. Assim, você descobrirá como eles usam o dinheiro e identificará onde eles precisam aprender a economizar para desenvolver um bom relacionamento com o dinheiro desde cedo.

Como vimos, são muitas as vantagens de quem opta por uma conta conjunta. Porém, quem compartilha as finanças precisa sempre se lembrar de que a responsabilidade pela boa gestão do dinheiro também se torna compartilhada. Por isso, o diálogo e a transparência são condições fundamentais para que o planejamento financeiro a dois funcione.

Agora que você já conhece as vantagens de ter uma conta conjunta, pode definir com segurança se ela atende às suas necessidades. Gostou deste conteúdo e quer ficar por dentro dos próximos posts? É só seguir as nossas páginas nas redes sociais. Estamos no Facebook, Twitter e LinkedIn.

Comentários

Assine nossa newsletter